So Paulo e Internacional ficam no empate pelo Brasileiro Feminino :: ogol.com.br


Em um duelo bem movimentado, com chances para os dois lados, São Paulo e Internacional ficaram no 1 a 1 pelo Campeonato Brasileiro Feminino, em jogo realizado neste domingo, 19. O Tricolor abriu o placar com Dudinha e Fany Gauto empatou para as Gurias Coloradas. 

As equipes tem campanhas parecidas no Brasileirão Feminino. O Internacional fica na quinta posição, com 7 pontos conquistados. Dois lugares depois aparece o São Paulo, com apenas um ponto a menos.

Tricolor na frente

A partida começou muito animada. A primeira grande chance foi do Internacional, aos 4, quando Sandoval ganhou no alto após cobrança de escanteio e cabeceou na trave. O São Paulo respondeu imediatamente, quando Aline recebeu de Maressa, bateu cruzado e a bola saiu rente à trave. 

O Tricolor voltou a chegar bem aos 12, com Aline, que não foi pressionada fora da área, bateu firme, mas por cima do gol. A equipe paulista esteve mais tempo com a bola e o Internacional usou o contra-ataque, conseguindo boas escapadas, mas acumulando erros no último passe. 

No geral, o São Paulo foi mais perigoso, finalizando em maior quantidade. Assim que saiu na frente aos 29, quando Dudinha foi lançada entre as zagueiras e tocou na saída da goleira Barbeiri. Primeiro gol da jovem revelada em Cotia como jogadora profissional. Após o gol, a partida ficou mais morna e o placar não foi mais alterado no primeiro tempo. 

Gurias empatam

Atrás no placar, o Internacional voltou para o segundo tempo mais presente no campo de ataque, enquanto o São Paulo optou por uma postura mais defensiva. As Gurias Coloradas primeiro assustaram com Priscila, que após roubada de bola buscou o canto esquerdo e mandou rente à trave. Então o empate aconteceu aos 10, quando Fany Gauto foi oportunista na área e completou cruzamento para achar a rede. 

O duelo ficou bastante aberto. O Internacional quase virou pouco depois, aos 13, em chute de Priscila, que a goleira Carlinha fez grande defesa. Já o São Paulo assustou em cobrança de falta de Aline, aos 17, que parou em intervenção de Barbieri, que espalmou. 

Após as boas chances, o duelo ficou mais morno, principalmente com as diversas substituições dos dois lados. A partir dos 30 minutos, o Internacional que conseguiu pressionar e ter as melhores chances, mas com as finalizações perigosas indo para fora, sem acertar a meta. A rede não voltou mais a balançar. 





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *