Inter de Milão pede investigação por problemas com ingressos de seus torcedores no Porto


A Inter de Milão solicitou nesta quarta-feira à Uefa uma investigação sobre o que impediu seus torcedores de entrarem no Estádio do Dragão, casa do Porto, no jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, que terminou com um empate sem gols e a classificação dos italianos.

Na terça-feira, pelo menos mil torcedores da Inter não conseguiram ter acesso ao estádio, apesar de terem ingressos válidos. O motivo de terem sido barrados foi que os bilhetes eram destinados aos setores da torcida local, e não visitante.

Esses torcedores ficaram retidos em um túnel estreito até o final do primeiro tempo, sem poder assistir à partida.

“A Inter de Milão pede à Uefa que intervenha para esclarecer o que aconteceu e que situações deste tipo, contrárias aos princípios do espírito esportivo, da igualdade e da inclusão, não se reproduzam nunca”, declarou o clube italiano em um comunicado.

A Inter criticou igualmente a má administração da situação, considerando que os torcedores foram expostos a um “perigo potencial”.

Depois de vencerem por 1 a 0 o jogo de ida das oitavas e empatarem com o Porto sem gols na volta, os ‘nerazzurri’ se classificaram para as quartas de final da Champions pela primeira vez desde 2011.

Deixe seu comentário





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *