Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF, diz que Ancelotti é o “favorito dos jogadores”


O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, afirmou em entrevista à Reuters depois do amistoso da Seleção Brasileira contra Marrocos que o treinador do Real Madrid, Carlo Ancelotti, é o “favorito dos jogadores” para assumir o comando técnico do Brasil e rasgou elogios ao italiano.

“Ancelotti não só é o favorito dos jogadores, como também é o da torcida. Em todo lugar que eu vou no Brasil, em todo estádio, ele é o primeiro nome que os torcedores me perguntam”, contou Ednaldo.

“Eles falam dele de uma maneira muito afetiva, em reconhecimento do trabalho exemplar que ele tem feito na carreira. Vamos ter fé em Deus, esperar pelo momento apropriado e veremos se conseguimos fazer isso acontecer enquanto procuramos pelo novo técnico da Seleção Brasileira”, afirmou.

Carlo Ancelotti durante a partida entre Barcelona e Real Madrid, no último domingo. (Foto: Josep Lago / AFP)

Os fãs e os jogadores não foram os únicos a elogiar e admirar Ancelotti. O próprio Ednaldo Rodrigues também destacou o valor que o italiano possui.

“Eu aprecio muito ele pela sua honestidade na forma em que ele trabalha e como seu trabalho é constante. Ele dispensa introdução. Ele é realmente um técnico de elite que tem inúmeras conquistas e esperamos que ele tenha mais”, exaltou.

Apesar dos muitos elogios da Seleção Brasileira a Ancelotti durante esta Data Fifa, Ednaldo Rodrigues afirmou que ainda não fez contato com o treinador e que vai começar a negociar com candidatos à vaga no meio de abril. O anúncio do novo treinador deve sair até o fim de maio, ainda segundo o presidente da CBF.

Para Ednaldo Rodrigues, saber o momento certo de fazer o contato com os treinadores será essencial na busca pelo sucessor de Tite.

“Seremos muito éticos na nossa abordagem e respeitaremos os contratos que estão em vigor. Nós também respeitamos o trabalho que é feito por qualquer treinador e seu clube e para chegar lá e fazer qualquer tipo de abordagem, seria uma falta de respeito com o presidente dos clubes em questão”, comentou.

Deixe seu comentário





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *