Desfalcado, Paris Saint-Germain é derrotado pelo Rennes no Francês


O Paris Saint-Germain foi derrotado pelo Rennes por 2 a 0, neste domingo, no Parque dos Príncipes, pela 28ª rodada do Campeonato Francês. Toko Ekambi e Kalimuendo balançaram as redes para os visitantes.

O Rennes é a grande pedra no sapato do PSG neste Campeonato Francês. No primeiro turno, no Roazhon Park, o time rubro-negro venceu Mbappé, Messi, Neymar e companhia por 1 a 0, graças ao gol de Hamari Traoré.

Apesar do resultado negativo, o PSG segue isolado na liderança do Campeonato Francês, com 66 pontos, e caminha a passos largos para conquistar mais uma vez a competição. O Rennes, por sua vez, assumiu o quinto lugar, entrou na zona de classificação para as competições europeias.

Desfalques

O Paris Saint-Germain entrou em campo neste domingo repleto de desfalques. Neymar e Kimpembé estão fora da temporada. Sergio Ramos, por sua vez, vem sendo baixa por problemas na panturrilha. Hakimi, Marquinhos e Mukiele também não estão à disposição do técnico Christophe Galtier.

Mbappé x Mandanda

O primeiro tempo foi marcado pelo duelo particular entre Mbappé e Mandanda. O atacante do Paris Saint-Germain foi acionado diversas vezes por seus companheiros, que apostaram nos lançamentos para deixa-lo na cara do gol, mas o goleiro do Rennes estava em um dia inspirado, fechando as portas para um dos melhores jogadores da atualidade.

Aos 22 minutos, porém, Mbappé até conseguiu balançar as redes ao receber um desses lançamentos e bater no cantinho, mas o árbitro marcou impedimento. Pouco depois, após nova bola longa, o atacante francês chutou para fora.

Logo na sequência, Mbappé teve outra ótima oportunidade de, enfim, balançar as redes ao sair cara a cara com Mandanda, dentro da área, mas o goleiro do Rennes fechou o ângulo do atacante, protagonizando outra ótima intervenção.  A última tentativa do camisa 7 do PSG no primeiro tempo foi após o passe por elevação de Messi, mas novamente o rival fez a defesa em dois tempos.

Sem aproveitas as chances criadas, o Paris Saint-Germain acabou sendo castigado aos 45 minutos, pouco antes do intervalo, quando Toko Ekambi recebeu lançamento, dominou com categoria e bateu no cantinho, sem chances para Donnarumma, colocando o Rennes em vantagem.

Vaias e decepção

Os torcedores do Paris Saint-Germain não pouparam os times de vaias com a derrota parcial e, no segundo tempo, quando esperavam uma reação da equipe, sofreram nova decepção logo aos cinco minutos, quando Bernat errou passe na saída de bola, originando contra-ataque. Ugochukwu avançou pela esquerda e cruzou rasteiro para Kalimuendo completar para o fundo das redes, ampliando para o Rennes.

Com dificuldade para criar com seus meio-campistas, o Paris Saint-Germain seguiu apostando nas bolas longas, explorando a velocidade de Mbappé, mas o Rennes, ciente da estratégia do rival, se manteve firme na defesa para evitar as jogadas de perigo dos donos da casa e assegurar a importantíssima vitória no Parque dos Príncipes.

 

Deixe seu comentário





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *