Chefe de grupo criminoso responsável por homicídios na RMF é preso na Capital

A prisão do suspeito, com extensa ficha criminal, foi realizada pela PC-CE no bairro Parangaba

Uma investigação minuciosa realizada por equipes da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) resultou no cumprimento de um mandado de prisão em desfavor de Isaías Teixeira de Oliveira (33), conhecido como “Faustão” ou “Baé”. O homem é apontado como chefe de um grupo criminoso responsável por homicídios em Maranguape, pertencente à Área Integrada de Segurança 24 (AIS 24) do Ceará. O suspeito, que tem uma extensa ficha criminal, foi localizado em uma residência no bairro Parangaba (AIS 5), após um trabalho investigativo da PC-CE. Ele já responde por homicídios, roubos, receptação, fuga de preso, crimes de trânsito, porte ilegal de arma de fogo, corrupção de menores e crime contra a fé pública.

As investigações ficaram a cargo da Delegacia Metropolitana de Maranguape. Apurações apontam que Isaías é chefe de um grupo criminoso de outro Estado responsável por homicídios na Região Metropolitana. Ele é apontado como suspeito de um homicídio ocorrido em junho de 2021, onde Isaías e outros quatro indivíduos foram até o bairro Pato Selvagem, executaram um homem de 20 anos com disparos de arma de fogo. Todos os suspeitos de envolvimento no crime já foram presos.

Com o andamento das investigações, a PC-CE descobriu que o alvo fugiu para o bairro Parangaba a fim de se esconder. Após um trabalho minucioso, ele foi localizado em um imóvel. No momento da prisão, ele apresentou aos policiais civis uma identidade falsa. Além de seis celulares roubados, cadernos de anotações e cartões de crédito foram apreendidos com o indivíduo.

Contra ele um mandado de prisão preventiva pelos crimes de homicídios e por integrar organização criminosa foi cumprido. O homem também foi autuado em flagrante pelos crimes de receptação e documentação falsa. Isaias Teixeira foi colocado à disposição da Justiça. Agora, a Delegacia Metropolitana de Maranguape apura a participação de outros suspeitos nas investidas criminosas que envolvem Isaías.

Denúncias
A Polícia Civil ressalta que a população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas pelo número (85) 3101-2808 da Delegacia Metropolitana de Maranguape.

As denúncias também podem ser encaminhadas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia. O sigilo e o anonimato são garantidos.
Fonte; SSPDS

Jornal Caucaia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *